X

Emissão de Boletos ACESSE

Últimas Notícias

15/02/2019

SITUAÇÃO PRECÁRIA NO SETOR DE RADIOLOGIA É CONSTATADA EM FISCALIZAÇÃO NO PRONTO SOCORRO MUNICIPAL DE MIRACATU

MP-SP solicitou averiguação no local para apurar denúncias


Foto: Freepik

Nesta semana, o SINTTARESP realizou uma vistoria no Pronto Socorro Municipal de Miracatu, interior de São Paulo, e constatou uma série de irregularidades. Porta da câmara escura fechada com uma tramela de madeira, produtos e documentos alocados em locais inadequados e desrespeito às normas de segurança são alguns dos problemas existentes no setor de Radiologia.

A diligência efetuada pelo diretor Márcio dos Anjos ocorreu em cumprimento ao ofício N°044/2019, Representação Civil n° 43.0336.0000332/2018-1, do Promotor de Justiça Roberto Marcio Ragonezi Francisco, que requisitou a inspeção e fiscalização do setor de Raio-X do Hospital, a fim de esclarecer se de fato existem desconformidades no ambiente e no aparelho que prejudicam a qualidade dos exames e a saúde dos pacientes e trabalhadores.

Denúncias recebidas pelo Ministério Público relatam problemas frequentes no funcionamento do equipamento. Na ocasião, foram verificadas as seguintes precariedades:

- Bucky mural rente a porta de entrada;
- Uma tramela de madeira sendo utilizada para fechar a porta da câmara escura;
- Solicitações de exames armazenados inapropriadamente em cima da pedra da pia, assim como filmes radiográficos e chassis;
- Pia inadequada para lavagem dos racks;
- Ausência de exaustor e luz de segurança na câmara escura;
- Fiação elétrica do ar condicionado em péssimas condições e equipamento sem higienização;
- Recipientes de revelação e fixação sendo colocados diretamente no chão ao invés de estarem em pallets;
- Filtro neutralizador trocado pela última vez em 23/11/2015;
- Coleta do fixador feita em galões para serem repassados mais de uma vez pela processadora;
- Dosímetros alinhados perto do vidro plumbífero.

Os problemas apresentados geram um quadro de falta de segurança, tanto para os funcionários quanto para aqueles que são atendidos. Atualmente, o setor de Radiologia atende em média 30 a 50 pacientes por dia.


Infelizmente, a realidade do Pronto Socorro Municipal de Miracatu é extremamente insatisfatória. O Sindicato já encaminhou o relatório de fiscalização à Procuradoria de Justiça da cidade. Esperamos que sejam adotadas medidas concretas o quanto antes, para solucionar tais ilegalidades.
Assessoria de Imprensa – SINTTARESP 
 
Mais Notícias
www.infosind.com.br